sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

30% dos professores portugueses sofrem de exaustão emocional




E ainda não havia o ensino vocacional, diga-se.

Pergunto-me, depois de instalado e generalizado essa modalidade de ensino, que, tal como está legislado e aplicado, não passa de uma fraude que atenta contra os direitos dos alunos a um ensino digno, como ficará o estado de saúde mental dos professores.

Pelo que já se ouve por aí, a coisa começa a ser preocupante, caso o governo não mexa, pelo menos, com a dimensão das turmas, reduzindo-as substancialmente.








Sem comentários:

Enviar um comentário